DestaquesNotícias

‘Deus está de volta ao Brasil’, diz futuro chanceler

O futuro ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, escreveu um artigo para a edição de janeiro da revista americana “The New Criterion”.
No texto, Ernesto Araújo afirmou que a união do filósofo Olavo de Carvalho, da Operação Lava Jato e do presidente eleito, Jair Bolsonaro, foi responsável por “quebrar o sistema cultural marxista criado pelo PT“.

Segundo o chanceler, este sistema teria sido construído por meio da “corrupção, intimidação e controle duro”.

Araújo também escreveu que, com a eleição de Bolsonaro, “Deus está de volta, e a nação está de volta: uma nação com Deus”.

Segundo o “Poder 360“, o diplomata declarou:

Foi a divina providência que guiou o Brasil por todos esses passos, reunindo as ideias de Olavo de Carvalho co a determinação e o patriotismo de Jair Bolsonaro? Eu acredito que sim

O futuro chanceler cita Deus 12 vezes e afirma que, com o governo que toma posse em 1º de janeiro no Brasil, “Deus está de volta, e a nação está de volta: uma nação com Deus”.

“Meus detratores me chamaram de louco por acreditar em Deus e nos atos de Deus na História — mas eu não ligo”, disse Araújo segundo o jornal “O Globo“.

Por Renovamidia

Comentários

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios