DestaquesMissões

Em Bangladesh, alfabetização por meio da Bíblia alcança muitos para Jesus

Projeto da Portas Abertas que une alfabetização e evangelismo tem dado muitos frutos

Hoje, 8 de setembro, comemora-se o Dia Mundial da Alfabetização e o Dia Nacional de Missões. Como você compartilharia a mensagem da Bíblia se não soubesse ler? Esse é o desafio de muitos de nossos irmãos e irmãs em Bangladesh, país que está em 48º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2019. Como os cristãos são uma pequena minoria de 0,5% da população, evangelizar é um grande desafio, pois eles são constantemente discriminados. Os cristãos que ousam compartilhar a fé são acusados de insultar o islã e enfrentam ataques e ameaças de morte de extremistas islâmicos.

Nesse contexto, as aulas de alfabetização através da Bíblia oferecidas pela Portas Abertas proporcionam aos cristãos de Bangladesh não apenas uma habilidade que lhes abrirá mais oportunidades, mas também a capacidade de compartilhar o que leem. Atualmente, temos em Bangladesh 183 salas de alfabetização de adultos, onde mais de 2.700 adultos aprendem a ler, escrever e compartilhar o evangelho com outros.

Barnat Roat Bawm, de 39 anos, testemunha: “Minha esposa era analfabeta, mas com as aulas de alfabetização, ela aprendeu a ler a Bíblia. Agora ela é muito ativa na igreja e adora contar as histórias bíblicas para os amigos não cristãos”. Os testemunhos se multiplicam. Rekha, 20, diz: “Eu nunca tinha compartilhado sobre fé e sobre Jesus com ninguém na minha vida. Depois do treinamento de alfabetização, pela primeira vez eu falei de Jesus para uma amiga. No momento, me senti muito desconfortável, mas depois de vários meses, ela aceitou Jesus e foi batizada. Agora, me sinto muito à vontade para contar a história de Jesus”.

Bênção para alunos, professores e não cristãos

Outro participante do curso, Uttam, 45, compartilha: “Antes eu era muito tímido e achava difícil falar com os outros. Mas após participar do curso, me senti à vontade para compartilhar o evangelho e agora sempre compartilho com meus amigos. Vamos batizar dez pessoas mês que vem”. Dilip Biswas, 50, afirma: “Através dessas aulas, minha esposa entendeu a importância da salvação. Primeiro ela compartilhou com a irmã mais nova sobre o que Jesus fez por ela na cruz. Alguns dias depois, a irmã dela veio me procurar, querendo saber mais sobre Jesus e agora ela é cristã”.

Até mesmo os professores de alfabetização estão mais seguros para compartilhar a fé, após aprenderem sobre como usar a Bíblia para ensinar outros a ler. A professora Mahfuza Begum, 44, diz: “No treinamento eu aprendi a compartilhar as histórias bíblicas com minhas amigas. Sempre que tenho oportunidade, compartilho com as mulheres, principalmente sobre Jesus e suas obras miraculosas, que tocam muito o coração das pessoas. Cinco delas já receberam Jesus dessa forma”.

Alguns não cristãos que participaram somente para aprender a ler e escrever também têm vindo a Cristo através das histórias bíblicas que aprendem nas aulas. Dilip Biswas acrescenta que em sua sala seis famílias aceitaram Jesus e agora participam da comunidade dele. Outra professora, Mariam, 25, relata que dez de seus alunos já receberam Jesus e agora fazem parte da igreja.

Por Portas Abertas

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios