DestaquesNotícias

Jogador Michael conta que deixou as drogas após ler a Bíblia: “Deus falou comigo”

Ao comentar sua trajetória difícil, porém vitoriosa, Michael explicou a fé o ajudou a focar no que realmente é importante: o Reino de Deus.

Na última segunda-feira (4), o jogador Michael, do Goiás, acabou emocionando os integrantes da bancada do FoxSports, ao testemunhar a transformação que Deus operou em sua vida, o libertando das drogas, incluindo alcoolismo e tabagismo.

Após o apresentador João Guilherme lembrar que o jovem atleta é um exemplo de superação, o ex-jogador Edmundo foi às lágrimas, explicando que perdeu um irmão para as drogas e se emociona sempre que vê um testemunho de restauração, como o de Michael.

Ao comentar sua trajetória difícil, porém vitoriosa, Michael explicou a fé o ajudou a focar no que realmente é importante: o Reino de Deus.

“Eu era dependente [de drogas], precisava daquilo para viver. Não sabia o que era ficar um dia sem fumar, sem beber. Eu achava que aquilo ali tirava a tristeza que eu tinha no coração”, contou.

“Eu sempre tive o sonho de jogar bola. Mas as pessoas falavam para mim que para virar jogador eu tinha que ser rico, tinha que ter tamanho e eu acreditei. Mas Deus usou algumas pessoas e falou comigo: ‘Meu filho, o que você precisa é só de mim. O resto eu faço’. Foi então que eu li Mateus 6:33: ‘Buscai primeiramente o Reino dos Céus e a Sua justiça’ e as demais coisas Deus acrescenta na minha vida”, acrescentou.

Após agradecer pelo carinho e apoio dos comentaristas da bancada do programa – sobretudo do ex-jogador Edmundo – Michael lembrou que a dependência química gera um sofrimento que só quem passou por isso consegue dimensionar a dor do dependente e seus familiares.

“Só a gente, que já passou por isso, sabe a dor que é. Hoje, eu tento falar para esses jovens: ‘Não precisa fazer isso, não precisa passar por isso. Acho que viver com Deus é viver uma vida honesta, obedecendo pai e mãe, obedecendo as pessoas mais velhas e sabendo escutar. Essa é a melhor saída que tem para a gente”, afirmou.

“Eu era novo e não ouvi o meu pai e minha mãe. Mas o que eu posso fazer para ouvir os meus pais ou outras pessoas mais velhas, eu sei que é para o meu bem”, confessou.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA FOX SPORTS BRASIL

Comentários

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios