ColunasDestaques

Não é dever da escola ensinar os filhos sobre sexualidade, diz teóloga

A teóloga Miriam Chaves diz que os pais precisam estar mais atentos sobre o que seus filhos aprendem na escola.

 

A teóloga Miriam Chaves Peixoto alertou sobre um delicado assunto, mas que deve chamar atenção de todos que têm filhos. A relação da escola com a sexualidade das crianças deve estar em que campo? Para ela, a família quem deve educar as crianças sobre este assunto.

“A família é a base de tudo na educação. Nós temos uma base Cristã então você ensina ao seu filho a palavra de Deus e mostra que a homossexualidade é algo contra a Palavra e você coloca em uma escola e a escola obriga, impõe uma tarefa, a fazer algo que é contra a Palavra? Então elas não têm esse direito”, disse Miriam.

O jornalista Renato Lopes concorda e complementa. “Nós estamos vivendo nos dias de hoje uma grande diversão. O que a Bíblia diz que é verdade, eles dizem que é mentira. O que a Bíblia fala que devemos fazer, eles falam que não é para fazer”, disse ele.

“Então realmente é tarefa do pai, é tarefa da mãe educar o seu filho. Ele não pode terceirizar isso com a escola. Mas é o que vem acontecendo, infelizmente. Houve essa situação, os pais acabaram deixando e escola entrar nesse clima de educação e suprir uma carência que os pais não conseguem”, salientou Renato.

Coragem para falar

A teóloga Mariam ainda ressalta que os cristãos devem se posicionar sobre o assunto. “Nós que somos cristãos temos tido medo de falar. Como cristãos, a gente vai mostrar a sociedade. Vamos ensinar o que é certo e o que é errado”, disse.

“Agora, na escola eles ensinam uma criança a escrever uma carta de amor, a criança de seis anos vai ter condições de analisar? Se está certo ou errado? Ela é inocente”, lembrou.

Renato sustenta: “Isso mostra que a escola está cada vez menos preocupada em ensinar o português, matemática, geografia, que é o que ela está preparada e o que ela precisa, para ensinar a ideologia de gênero que se choca contra a Palavra de Deus. E eles querem que a gente fique calado, mas nós não podemos ficar calados”, colocou.

Miriam ainda comenta: “Hoje o nosso país está como está porque a Igreja tem se calado. Nós devemos amar o bem e ter um posicionamento. Precisamos defender com todas as forças. Você se coloca para falar o que é bom e o diabo se posiciona contra. a gente”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DA REDE SUPER

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios