Notícias

Netflix fecha acordo com templo satânico

Um templo de Detroit acusou O Mundo Sombrio de Sabrina de roubar os direitos autorais de uma de suas estátuas

Lembra que, no mês passado, um templo satânico decidiu processar a Netflix pela violação dos direitos autorias de uma de suas estátuas que aparece em O Mundo Sombrio de Sabrina? Pois o serviço de streaming entrou em um acordo com a organização religiosa e topou pagar pelos créditos da imagem.

Tudo começou depois que o templo de Detroit acusou a Netflix e a Warner Bros., também detentora dos direitos da série, de copiar uma estátua desenvolvida por eles e apresentá-la na Academia de Artes Ocultas, onde estuda a bruxinha.

Lucien Greaves, o fundador da seita, então entrou com um processo contra a produção e, de acordo com o The Hollywood Reporter, ele e os produtores de O Mundo Sombrio de Sabrina finalmente entraram em um acordo sobre os direitos da estátua.

Em um comunicado emitido à publicação, o advogado do templo escreveu: “O Templo Satânico está feliz em informar que o processo aberto contra a Warner Bros. e a Netflix foi concluído amigavelmente. Os elementos únicos da estátua de Baphomet do Templo Satânico serão reconhecidos nos créditos dos episódios que já foram gravados. Os termos restantes sujeitos ao acordo de confidencialidade”.

A Warner confirmou a informação, mas não quis fazer comentários.

Via Capricho

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios