DestaquesMissões

Projeto leva mais de meio milhão de Bíblias a crianças no Vietnã

O projeto bíblico infantil começou em 2006, quando os primeiros Novos Testamentos das Crianças começaram a ser impressos no Vietnã

“Lembro-me de quando eu tinha três ou quatro anos, meu pai me deu uma Bíblia para crianças”, diz John*, agora um adolescente na cidade de Ho Chi Minh. “Lembro de ter ficado impressionada com as fotos, mas não sabia ler! Então meu pai me leu as histórias.

John foi um dos primeiros no Vietnã a receber uma Bíblia Ilustrada para Crianças, impressa e distribuída com o apoio da Portas Abertas. Após aprender a ler, ele conta que a primeira coisa que fazia quando acordava era pegar a Bíblia. “Todas as manhãs acordava e lia a Bíblia. Isso me deu um conhecimento da Palavra. Isso me levou a aprender como posso orar, como posso conversar com meus amigos sobre Deus. Meus amigos me perguntavam: “O que é esse livro, por que essas pinturas são tão bonitas?” E eu explicava que era a Bíblia, a Palavra de Deus”.

O projeto bíblico infantil começou em 2006, quando os primeiros Novos Testamentos das Crianças começaram a ser impressos no Vietnã. Os livros ilustrados de cores vivas representaram um novo caminho para as crianças vietnamitas aprenderem sobre Jesus – e uma nova maneira de seus pais ajudarem seus filhos a crescerem com fé.

Em 2009, o Novo Testamento foi atualizado com informações de pastores, professores de escola bíblica para crianças e pais por todo Vietnã. No ano seguinte, o Antigo e o Novo Testamento foram combinados para formar a Bíblia Ilustrada das Crianças – a primeira desse tipo no Vietnã. E esta é a Bíblia que primeiro ajudou a introduzir John à Palavra de Deus – junto com mais de meio milhão de outras crianças desde então. “É o meu maior presente do meu pai e do Senhor”, declara.

Os pais vietnamitas têm dificuldade em encontrar Bíblias infantis ou livros de histórias cristãs para seus filhos. Distribuir as Bíblias pode ser perigoso também, especialmente nas áreas rurais – aqueles que são vistos espalhando o evangelho dando Bíblias às vezes são interrogados ou até presos por um curto período de tempo.

Mas, graças à coragem e ao comprometimento de nossos parceiros locais e ao apoio e orações de cristãos por todo o mundo, há agora incríveis 600.000 exemplares da Bíblia Ilustrada para Crianças no Vietnã, ajudando a próxima geração a aprender sobre Jesus.

Governo dificulta a impressão e distribuição de Bíblias

Houve um tempo em que era raro ter uma Bíblia no Vietnã, muito menos uma Bíblia especialmente para crianças. Um parceiro da Portas Abertas no país lembra-se de ter participado de uma competição para ganhar uma Bíblia na adolescência – havia apenas um punhado de Bíblias em sua igreja secreta, e pouquíssimas pessoas tinham sua própria cópia. “Eu memorizei toneladas de versículos da Bíblia e consegui ganhar a Bíblia para minha mãe”, conta.

Hoje a situação é um pouco mais fácil. Depois que o governo do Vietnã foi criticado pela ONU pela falta de liberdade de religião, eles autorizaram as editoras a imprimir e publicar Bíblias em vietnamitas e outras línguas étnicas.

Mas o governo vietnamita ainda regula estritamente a impressão e distribuição de Bíblias. Autorizações oficiais devem ser obtidas para a produção de tais materiais, outra permissão para impressão, e ainda outra para armazenamento e distribuição, e você deve especificar onde as Bíblias serão entregues. Somente um certo número de Bíblias pode ser impresso de uma só vez, e toda vez que uma reimpressão é necessária, uma nova licença deve ser expedida, o que pode levar muito tempo. É necessária uma permissão diferente para vender literatura cristã, por isso é raro encontrar livros cristãos em livrarias locais.

O Vietnã é um dos países budistas que mais perseguem cristãos no mundo. O país está em 20º lugar na Lista Mundial da Perseguição 2019, e a forte influência do budismo acarreta em perseguição e violência contra cristãos.

Uma das formas de coibir o cristianismo no país é perseguindo e até multando ou prendendo cristãos que distribuem Bíblias no Vietnã. A história de Quan é um exemplo disso. Ele foi pego com 50 Bíblias hmong que não mostravam claramente onde foram impressas, o que é ilegal. “Não foi de propósito que eu carregava aquele tipo de Bíblia. Eu nunca tinha quebrado a lei antes e foi apenas um erro. Eles me disseram que seria multado”, conta.

Por JM Notícia

Comentários

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios